29.11.16

Points - surfe no Brasil

Estes são os melhores lugares do Brasil para praticar o surfe, e desfrutar de seu lazer preferido.
Fica claro, que para o surfista/ campista e aventureiro, em cada um desses lugares deve haver um lugar para armar sua barraca ou encontrar uma estrutura de equipamentos/ e ou estabelecimento para o surfista. Mesmo que não haja, e o local for selvagem "mesmo" (como são na maioria) o surfista preparado e experiente sabe de todos equipamentos que deve levar para passar dias confortavelmente.


Imbituba (SC)

Tem praias cercadas por dunas. Estende-se ao norte até a Lagoa de Ibirapuera, bastante procurada.

Imbituba 

Faz parte do circuito brasileiro de surfe.


Vila, Rosa e Luz

Também frequentada por surfistas. Retas e extensas, de mar aberto e com faixa de areias finas.


Garopaba (SC)

Antigo pólo pesqueiro, recebe a cada ano mais turistas. Muitos dos quais são surfistas.

Silveira

Um dos melhores locais de surfe do país. Praia de tombo com um costão de pedras usado pelos surfistas para chegar às ondas.


Ferrugem

Um costão de pedras forma piscinas naturais no canto esquerdo. As ondas são constantes - é uma das famosas entre os surfistas.



Florianópolis (SC)

Joaquina

Fica a 17 km do Centro e é famosa pelas competições de surfe. Tem ondas fortes e dunas. Cuidado: é perigoso subir nas pedras do extremo norte.


Mole

Inclinada, com areia branca e fofa e ondas fortes, também é muito procurada por surfistas.


Campeche

Tem faixa larga de areia clara e mar bravio, muito boa para surfe.



Ilha do mel (PR)

Ideal para quem gosta de passeios ecológicos e não liga para o desconforto. Todos os trajetos são feitos a pé ou em voadeiras (pequenos barcos a motor). Possui vila de pescadores, muitas praias e trilhas em meio a grandes áreas verdes.

Grande

Deserta. As ondas chegam a 3 m de altura. Boa para surfistas.


São Sebastião (SP)

Maresias

Badalada, tem 4 km de areias claras e finas e um mar muito verde. Boa para banho (mesmo com as correntezas) e esportes dentro da água (como surfe e bodyboard) ou fora dela.

Na temporada há campeonatos de surfe, canoagem e natação. Em frente à praia há uma laje submersa com recifes e, ao longo, a Ilha de Alcatrazes é procurada para mergulho.


Ubatuba (SP)

Itamambuca

Famosa no circuito de surfe por causa das ondas constantes: em julho são realizadas etapas dos circuitos nacional e mundial. Praia extensa e de areias claras, que reúne jovens durante todo o ano.



Rio de Janeiro (RJ)

Arpoador

Tem 500 m de areia clara, anfiteatro, aparelhos de musculação e quadras de esportes. Muito procurada para surfe.



Saquarema (RJ)

Itaúna

Opção número 1 para surfe (aqui são realizadas competições internacionais) e bodyboard. 


Massambaba

Deserta. Fica junto à restinga que se estende por 35 km até Arraial do Cabo. O acesso é de terra, precário. Tem ondas fortes e uma faixa reta de areia branca e solta. Boa para surfe e prática de trekking.



Linhares (ES)

Regência

Surfistas a consideram a melhor praia do litoral capixaba. Na Vila de Regência, no posto do Projeto Tamar, o Ibama desenvolve um programa de educação ambiental. Ao sul, está o Farol de Regência, construído em 1895.



Salvador (BA)

Stella Maris

Reta, com ondas fortes e areia amarelada. Com coqueiros e recifes. Trecho da Praia do Flamengo. Badalada e muito procurada por surfistas.


Marechal Deodoro (AL)

Praia do Francês

Tem esse nome, porque na época colonial, os franceses faziam contrabando de pau-brasil. O canto esquerdo da praia é o mais badalado, com bares, restaurantes, piscinas naturais e ondas calmas. 

O lado oposto é mais selvagem, com ondas fortes e muitos surfistas. As águas variam do azul ao verde-escuro e a areia é clara e fofa.

Porto de Galinhas (PE)

Maracaípe

Sedia etapa do Campeonato Mundial de Surfe. Perigosa para banho. No final da praia, na Foz do Rio Maracaípe, está o Pontal do Maracaípe, com faixa larga de areia e uma coroa de corais que aparece na maré baixa. 

Acesso de bugue ou a pé, por Maracaípe, e de carro por estrada precária a partir de Porto de Galinhas.

Fernando de Noronha (PE)

Cacimba do Padre

Areia clara e fofa, com búzios, cercada por morros com vegetação nativa. Entre novembro e março tem ondas de até 5 m. 

É proibida a permanência entre 8 h e 16 h (jan/jun). Acesso pela Baía dos Porcos, através de uma picada de 250 m ou pela Praia da Quixaba.

Tibau do Sul (RN)

Pipa

Extensa, com trechos isolados por encostas altas. Há recifes com piscinas naturais e bons locais para surfe. Grupos de tartarugas marinhas e de golfinhos aparecem com frequência.



Paracuru (CE)

Tem 17 km de praias com dunas, recifes, molhes e jangadas.

Barra, Carnaubinha e Pedra do Meio

Trata-se da mesma praia, com trechos de nomes diferentes. Tem dunas e mar agitado (aberto). Ficam próximas da cidade, até 3 km. Acesso a pé a partir da Praia da Bica.

Bica, Munguba, Ronco do Mar, Boca do Poço e Canto

Na cidade, com faixa de areia fina e batida. As praias da Bica e do Canto tem as águas mais calmas. Munguba, Ronco do Mar e Boca do Poço tem ondas compridas e altas (boas para surfe).







Nenhum comentário:

Postar um comentário